17 de junho de 2009

Bom, romântico e barato

"Nem só de pão vive o homem. Vive de pão e de crédito."

O sábio Machado de Assis não é imortal atoa!

Em tempos de economia e preguiça, resolvemos passar o dia dos namorados em Angra. Lá, não poderíamos sair pra jantar fora por alguns motivos: a qualidade dos restaurantes é péssima, poucos são razoáveis; todos os restaurantes estariam cheios; teríamos que pegar um trânsito ruim até a cidade; estava chovendo horrores.

Ao perguntar para o Flávio o que ele queria jantar no dia dos namorados, ele decidiu que queria um risoto de camarão. Torci pra ele mudar de opinião ou lembrar de outro prato preferido já que eu nunca tinha feito risoto de camarão na vida, mas foi isso mesmo que ele quis. E assim foi: comprei uns camarões lindos, já limpos, grandes e rosados, comprei o arroz arbóreo, o coentro, os temperos, etc. Na hora de fazer, precisei dar uma olhada na internet pra ter uma noção de onde começar. Li as receitas mas discordei de alguns procedimentos, como colocar o camarão pra refogar junto com o arroz. Achei que assim ficaria borrachudo. Mudei a receita, claro. Para os que querem experimentar, segue abaixo:

ingredientes:
1/2 kg de arroz arbóreo
1 kg de camarão limpo e descascado
1 cebola roxa grande picada
1/2 cabeça de alho batida
cenoura, tomate, aipo para fazer o caldo de legumes
cabeças e casca de camarão para fazer o caldo de camarão
molho de tomate
coentro picado com as mãos (a lâmina da faca oxida as folhas)
pimenta dedo de moça cortada em lâminas bem fininhas
sal a gosto
1 cálice de vinho branco seco
azeite
queijo grana para polvilhar

modo de fazer
Aqueça o azeite e coloque a cebola até que amoleça apenas. Junte o alho, a pimenta e o arroz e refogue em fogo médio. Quando o arroz já estiver refogado, sele com um cálice de vinho branco. depois que o vinho evaporar, acrescente metade dos camarões cortados ao meio e refogue junto com o arroz. Acrescente aos poucos alternadamente uma concha de caldo de legumes e uma concha de caldo de camarão, mexendo regularmente, para preparar o risoto. Prove o sal e acerte. Enquanto o arroz cozinha, refogue o resto do camarão numa frigideira com azeite, alho, pimenta do reino e louro e uma colher de açucar por 2 minutos. Junte esse camarão ao arroz nos últimos 5 minutos de cozimento. Quando o risoto estiver quase pronto, acrescente o molho de tomate e mexa. Apague o fogo e acrescente o coentro picado e o queijo, misturando para o queijo derreter.


Sirva com um vinho branco geladinho e de entrada sirva espumante e carpaccio de hadok defumado. Se ainda tiver lugar para a sobremesa, tente um pouco de doce de leite quente com como queimado e queijo ralado e uma bola de sorvete de creme. Seu amor não vai resistir.

Se o seu namorado não for fresco como o meu, hidrate um pouco de fungo porcini no vinho branco e acrescente no refogado do arroz. A combinação é divina.

Um comentário:

Yara disse...

O prato ficou lindo! Vou experimentar. Vc está uma ótima blogueira. Abraço.